7 respostas para “Os vinhos da Eslováquia”

  1. Gustavo F. disse:

    Olá, Fernando, como vai?

    Sou grande entusiasta dos vinhos, e gostei bastante de seus textos e do modo como avalia os passeios e bebidas, meus parabéns!

    No final do ano, devo fazer uma viagem ao Leste Europeu, e passarei por Praga, Budapeste, Viena, e Bratislava. Fiquei particularmente interessado e empolgado com essa degustação eslovaca aqui descrita, sensacional.
    Te peço uma ajuda: gosto sobretudo de tintos secos, encorpados, com fruta contida, tânicos e, quando possível, madeira presente (desde Tempranillos espanhóis e Barolos a portugueses do Douro, Tannats, etc.), esse é o pacote que mais me agrada em uma bebida.
    Conseguiria, pensando no que bebeu nesses países, se recordar de alguns rótulos que se enquadrem nesses elementos que descrevo? Mais para o caso de eu não conseguir degustar em algumas paradas, e precisar fazer compras às cegas para provar somente na volta ao Brasil….

    Muito grato, e novamente, parabéns pelo site.

    • Vinhos com Fernando Lima disse:

      Caro Gustavo,
      Muito obrigado, fico feliz que tenha gostado dos meus textos. Vou tentar te ajudar com base no que pediu:
      1) República Tcheca: Não tive oportunidade de beber bons tintos lá. Bebi brancos frescos e econômicos. O tinto mais interessante que bebi lá foi o Moravinho Frankovka barrique. Recomedo passear na bela cidade de Cesky Krumlov;
      2) Hungria: Já gostava dos excelentes brancos secos da uva Furmint, bebi vários lá muito bons, entre eles o Percze que trouxe. Os tintos húngaros me supreenderam. Provei ótimos vinhos e para vc recomendo os que trouxe: Talker Syrah e o Barbár da Heimann. Gostei muito tb do cabernet franc Hidaspetre da Mészáros Pál, mas bebi num restaurante no último dia e não o encontrei mais. Recomendo fortemente que vc viste o winebar/loja Cultivini, pois lá há dezenas de opções de vinhos em taças. Veja endereço no post Tokaji e os vinhos Húngaros;
      3) Viena: Recomendo o passeio pelo Vale do Wachau, mas lá é a terra dos brancos. Os tintos que mais gostei são de Burgenland. Dentre os que bebi e trouxe, recomendo: Cuvée Impresario da Paul Keischlam; M5 da Haider e o Urban Zweigelt Grosse Reserve. Todos três excelentes. Recomendo fortemente que vc visite o wine bar Vinothek W-Einkehr, lá há ótimos rótulos e muitas opções em taça, o dono é simpático e orienta bem seus clientes; outra sugestão imperdível em Viena é visitar uma das lojas da rede Wein & Co, veja no site e escolha uma que tenha Bistrô/wine bar. Fui em várias, como a da Stephans Platz, a da Cidade Universitária, a perto do mercado (Naschmarkt) e a perto do castelo Schonbrunn. Os Heuriger de Viena são legais para conhecer e beber vinhos brancos, tintos não são seu forte,
      4) Bratislava. Imperdível é o Salão do Vinho no museu de viticultura que descrevi no post Os vinhos da Eslováquia. Os tintos que mais gostei e trouxe foram o Alibernet e o Cabernet Sauvignon do Chateau Modra. Baseado no seu gosto, recomendo o primeiro.

      Espero que as dicas sejam úteis e qq dúvida, não hesite em perguntar. Aproveito para convidá-lo para dar uma curtida na minha página no facebook: Vinhos com Fernando Lima.

      Abs,

  2. Alexandre disse:

    ok, Forte abraço!

  3. Alexandre disse:

    Conseguiu trazer algum desses vinhos da Eslováquia pro Brasil?

    • Vinhos com Fernando Lima disse:

      Caro Alexandre, sim trouxe dois vinhos da Eslováquia. Infelizmente, não deu para trazer mais!!! Abs.

      • Alexandre disse:

        Bacana! Pretende abrir e comentar esses vinhos eslovacos aqui? Estou acompanhando o blog, gosto de vinhos exóticos.
        Que mal lhe pergunte, você teria interesse em vender um deles?
        Abraço!

        • Vinhos com Fernando Lima disse:

          Caro Alexandre, infelizmente não tenho interesse em vender estes vinhos, mas pretendo comentá-los, tão logo eu os abra. Fico feliz que esteja acompanhando e gostando do Blog. Muito obrigado. Em breve publicarei um post sobre os vinhos de Praga! Normalmente, comentários específicos de vinhos, eu faço mais na página do facebook. Assim, gostaria de convidá-lo para curtir minha página no facebook: Vinhos com Fernando Lima. Tudo que publico no blog, sai o link lá tb. Grande Abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 − 11 =