3 respostas para “Nem só de malbec vive a Argentina!”

  1. Maura Dias disse:

    Bom dia Fernando ! Estou indo para Buenos Aires agora no Carnaval e aluguei uma casa , pretendo cozinhar e beber vinho na beira da piscina , preciso de dicas de bons vinhos brancos e espumantes argentinos , espero que você possa me ajudar . Agradeço desde já !

    • Vinhos com Fernando Lima disse:

      Oi Maura! Que legal. Vc não vai se decepcionar com os brancos argentinos. Confesso que quanto aos espumantes, eu prefiro os nossos! No campo dos brancos, eu investiria nos torrontês, principalmente dos produtores Colomé, Susana Balbo ou Laborum. O Chardonay argentino também é uma boa pedida, gostos dos encorpados como o Angelica Zapata e o Arbolitos da Cobos, mas há muitas opções mais em conta, como o Q da Zuccardi ou o excelente El Enemigo, que nã é caro e é maravilhoso. Recentemente provei um interessante corte branco, o Mosquita Muerta Blanca, que gostei muito e também possui bom preço.
      E por fim, investiria também nos tintos mais leves como os feitos na Patagônia com a pinot noir: Barda, Saurus, Miras e Manos Negras.
      Recomendo dar uma lida nos posts da Argentina. Espero ter ajudado. Grande abraço e boa viagem!

  2. Vinhos com Fernando Lima disse:

    Quero receber posts por email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 3 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.